Rasteiro e suave

quinta-feira, agosto 15, 2013

Imagem: we♥it
Sempre fui apaixonada por contos de fadas, talvez porque eles são exatamente o contrário de tudo que já vivi até hoje quando o assunto é relacionamento. Só vivi amores complicados, corações partidos, músicas tristes sufocando o choro no travesseiro na madrugada, brigadeiro de panela em frente ao mais meloso dos filme de romance. Amor pra mim é algo que vejo nas telas do cinema, nas novelas e nos maravilhosos livros que leio. Até que um dia tudo mudou.

Ele, que amava ver as ondas do mar. Ele, que adorava andar de mãos dadas pela rua. Ele, que me convidou pra ver a lua sair de trás do mar. Ele, que só em um olhar me mostrava todo sentimento que nutria por mim. Apareceu na minha vida assim rasteiro e suave, quando dei por mim já estava 100% entregue, já estava deitada no colo dele com seus dedos em meu cabelo. Ele, que me mostrou que amar é sim, uma das coisas mais maravilhosas desse mundo.

E todas as músicas escultadas até hoje finalmente fizeram sentido, o amor tem sabor doce, tem sentimento, tem compreensão, são dois corações batendo como um só, são duas pessoas que se amam e sabem disso apenas no olhar. Hoje eu sei a sensação de amar e ser amada, de ter a voz escultado, de ser compreendida, e de não precisar mudar nada em mim pra alguém me amar.

Ele, é tudo pra mim, é minha fortaleza e é, o motivo pelo qual o mundo vive colorido, por onde eu passo lembro dele, onde eu olho vejo o seu reflexo, pois ele vive em mim, ele bate em mim, no compasso da mais linda canção, nas batidas abruptas do meu coração.

Você também vai gostar

4 Comentários

  1. Amei o texto!
    Beijos
    http://www.gemeasthings.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou linda.
      Obrigado por comentar, seu comentário é super importante :D

      Excluir
  2. Texto lindo, tão romântico...

    Estou seguindo aqui, te convido para conhecer o meu blog Abacaxi Cósmico<a

    Beijinhos e até mais.

    ResponderExcluir
  3. Que lindo!!!
    O amor não é um conto de fadas em tempo integral, mas é lindo demais mesmo, e é uma delícia de sentir (de vier então, nem se fala!)...

    ResponderExcluir

Seguidores